Quem sou eu

Minha foto
Fábio e Verônica, Verônica e Fábio. Um escritor e uma musicista, pelo menos aspirantes a isso rsrs! Amantes das letras, dos sons e de tudo que é arte! Amigos acima de tudo! Fizemos esse cantinho para dividir nossas idéias e ideais aos olhos da Net!

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Obama

Esse é o nome do cara. As pesquisas estavam corretas e os americanos ganharam como presidente Barack Obama. Vi muita gente aqui feliz por isso. Muita gente que estava torcendo por ele. Creio que essas pessoas pensem como eu, que não estava propriamente “torcendo” por ele, primeiro porque não sou muito simpatizante dos estadunidenses, depois porque o Obama estava sempre na frente mesmo. Mas essas pessoas que estavam torcendo, bem como eu, sabem que o que acontecesse lá teria reflexos aqui, bem ou mal. Ainda mais com a atual crise. Outra coisa, talvez a mais importante, é que Obama é Democrata. Isso contou muito para sua vitória. Afinal todos sabem que o Bush é Republicano. Ponto a favor dos Democratas. Afinal a popularidade do Bush nunca foi grandes coisas, sempre esteve em baixa com o negócio do Iraque e essa crise com certeza fez com que piorasse.
Obama é o primeiro presidente negro da história dos Estados Unidos. Isso sim eu considero um fato importante, ainda mais em um país com a história de racismo que os Estados Unidos têm. Obama é mais do que isso, é um símbolo, um símbolo de jovialidade e esperança. Um símbolo de mudança. Eu espero que não aconteça o que aconteceu aqui no Brasil, do pessoal apostar as fichas no presidente Lula, de ele ser o símbolo da pobreza, do povo, da melhoria, da mudança, da esquerda que vai levantar esse país e no fim das contas a oposição virou governo e tudo está praticamente igual (com os créditos para as devidas melhoras e pioras). Mas a transformação esperada e merecida que todos queriam não ocorreu.
Espero que a palavra “esperança” por lá seja interpretada no sentido de “ansiedade que algo aconteça” e não apenas no sentido de “esperar, esperar e continuar esperando”. Se for, será bom para todos nós.

Agradecimento a Fábio Nunes de Moura pela sua contribuição. Nota expressa sua opinião. (Escrito em 06/11/2008).

16 comentários:

Desarranjo Sintético disse...

Bah eu torci para ele rsrsrs... mas na real não sei o que vai acontecer daqui para frente, só sei que foi uma grande vitória um negro se tornar PRESIDENTE DOS EUA.

Bjoks,
Ass: Verô!!!

Beto Canales disse...

Que legal. Mesmo assunto. Foi uma vitória de todos os que não são rascista e coisas do gênero.

LEKA disse...

Olá, Fábio... obrigadíssima pela visita no Cintaliga... Adoramos gente comentando naquele pedaço... Quanto ao seu post, minha língua está coçando. Estava torcendo pelo Obama - assim como um pedaço de você (rs). Mas a situação é muito mais complexa.
Na verdade, Barack tinha tudo contra ele. Apesar do governo Bush ser impopular, a maior parte da população estadunidense é republicana. Democratas não são vistos com "bons olhos". Tanto que Bill Clinton quebrou uma linhagem de republicanos que já durava gerações. Para completar, ele é negro num país que deixa o racismo transparecer (algo que não acontece num país como o Brasil, onde o racismo é velado).
Mas Obama é muito mais que o primeiro presidente negro dos Estados Unidos. Ele é também o primeiro presidente de uma nova geração. Aquela geração que anda de bicicleta com capacete, para valoriza o bem-estar, que cuida da educação dos filhos. Ele vem da geração que começou a se preocupar com o meio-ambiente. Por isso eu acho que a eleição dele é um fato extremamente significativo para o mundo.
E ele tem uma grande vantagem: a maioria de senadores democratas no Senado norte-americano. Isso significa que será mais fácil aprovar as medidas que ele quiser implantar.
Então, acho que estamos testemunhando uma grande mudança na maneira do mundo ver as coisas. Obama vem de uma geração que não enaltece a guerra como meio político, tem a visão de que uma economia crescente nem sempre é estável, percebe que é preciso formular mudanças significativas para garantir o futuro do planeta e sabe que ele vai governar a nação que influencia o pensamento de boa parte do mundo. E eu acredito que ele seja capaz de fazer um bom trabalho.
Direita e esquerda, no fundo não existem. Um presidente, qualquer que seja, vai tentar fazer o melhor no seu governo e ele não é capaz de fazer isso sozinho. Precisa se adequar a um Congresso, a um Senado e, para isso, muda suas visões políticas. Não é pecado mudar se isso for melhorar a sua maneira de governar. Noberto Bobbio, um grande cientista político, escreveu um livro chamado Direita Esquerda que trata exatamente desse inexistência de alas... E, exatamente por estar com a faca e o queijo nas mãos eu aposto que Obama irá fazer um bom trabalho... Mas isso, só o futuro nos dirá. Nesse momento, só podemos torcer.

Dama de Cinzas disse...

Eu acho que o Obama representa a possibilidade de alguma mudança no mundo, já que num país como os EUA eleger um presidente negro é sinônimo que algo muito importante está acontecendo, as pessoas estão se cansando de tudo isso que tá aí e estão apostando suas fichas em uma pessoa "diferente"!

Eu gostei muito da vitória do Obama, mais por tudo isso que representou! Na verdade, esperar algo acho que pra mim ainda não dá, só vendo pra crer mesmo, tenho vários pés atrás com políticos, sejam eles quem forem!

Beijocas

Sei que existes disse...

E agora vamos esperar que corra tudo bem!
Beijocas grandes

Bem Resolvida disse...

Cara, eu detesto os USA, embora eu saiba que o presidente de lá é o presidente do mundo dei uma cagada pra essas eleições, embora vá com a cara do Obama e esperava que ele ganhasse,´lá no fundo.

e Fábio, deve ser coisa de geminiano...rsrs os geminianos assumiram essa coisa de beijar menos rs mas as outras coisas andam cada vez mais intensas...acho que ele se desliga do beijo por causa disso, sei lá. ele falou que nem tinha notado isso e acha que estou reclamanbdo de barriga cheia pq quando nos vemos é um fogo muito forte mas aposto que vai prestar mais atenção. Isso era assim só lá em casa mesmo, aquilo que vc falou de lugares que não pode....quando a gente sai a gente perde a linha...hehehe
segunda eu falo se melhorou, daqui há pouco estarei com ele. beijos e bom final de semana!

elisabete fialho disse...

Ora bem, vamos por partes
1-EUS Pais com tradições esclavagistas
2-Obama,negro
3-Uma abertura de horizontes
Pois isso é certo mas...também é certo que outros simbolos de mudança foram assassinados(Kennedy,Martin Luther King etc etc)
Por esta altura Ku Kux Klan, deve de estar arrebentar com inscrições de novos adeptos e a desenhar estratagemas enquanto esperam a melhor altura
Também muitos foram os simbolos de novos horizontes que não passaram, de promessas forjadas
Tenho cá para mim que é melhor esperar para ver
Peço desculpa pelo meu cepticismo,até desconfiança ou descrença mas...julgo mais prudente esperar e analisar
Desculpe
Abraço até esse lado do mundo

Grahan disse...

Ontem mesmo na aula discutíamos sobre isso: Lula é um cara de cento com tendências esquerdistas, essa é a verdade. Não adianta uma pessoa sozinha ter idéias de esquerda num sistema capitalista e altamente liberal já construído. Por isso defendo as atitudes do nosso presidente.
Quanto ao Obama; sim, é uma grande vitória para os EUA, os negros de lá e a história do mundo. Mas não esqueçamos: ele vai defender o país dele. POde ser bom pra eles e, se para isso for necessário abandonar o Brasil, ele assim o fará. Ele é presidente dos EUA e não do mundo, lembremos. Tem gente querendo vender essa idéia, mas não é a realidade!

MELISSA S disse...

Eu torci pelo Obama... Espero que ele consiga fazer mais coisas do que um presidente aqui no Brasil consegue fazer. Só discordo de vc em relação ao Lula. Pra mim, ele faz o q é possível. Existem mtos trâmites na política que complicam o andamento das coisas... Bjs!!

afobório disse...

viva o obama.


sorte e luz.

Andréia disse...

oie!! tbm postei sobre o Obama + com uma abordagem diferente. Estou curiosa p saber sobre o desempenho dele. Espero q ele n faça feio e n se torne um cretino.

Sobre o Lula eu acho que para alguem q n tem estudo ele se saiu perfeitamente bem, depois do governo dele o pais n ficou mais no vermelho e a balança comercial bateu recordes de superavit em períodos hiper curtos. O problema que em termos regional é que complica ele manda a grana se a prefeitura e estado apresentar algum projeto aí a forma que o executam (quando executam) é que tá errada...

beijokas

Mary West disse...

Well...gosto das idéias do moço e da iniciativa, má tão botanto muita fé em um homi soh.

Marina disse...

Admirada mesmo eu fiquei quando soube que ele ganhou mesmo em estados do sul, os mais racistas. Mas eu acho que atualmente eu ando meio cética com esse mundo.

Abraço!

lpzinho disse...

Olá Fábio!
Passei pra agradecer pelo comentário no meu blog, sobre o post em homenagem à querida Dama de Cinzas!
Sobre seu post, acho que não tem como o americano médio confundir as coisas como fizeram os brasileiros... O histórico político da sociedade americana é mto diferente do nosso, aliás... deu pra ver bem isso, pelo envolvimento e forma como isso aconteceu nestas eleições DESTA vez por lá!
Bem ... é isso..e que venham novos e melhores tempos para todos! =)
Abraços

Assim que sou disse...

Fabio,

A melhor sensação é sempre aquela que expressa nossa esperança. Somos seres errantes em busca do sonho e crer é, não raras vezes, o caminho da espera boa. Gosto demais da idéia de crer, lutar, investir. Se tudo isso terminar com conquista...prazer indescritível. bjss. Veronica

afobório disse...

vem buscar o teu Selo. vem.


sorte e luz.

Desarranjo Sintético

Desarranjo Sintético
"Era um grande nome — ora que dúvida! Uma verdadeira glória. Um dia adoeceu, morreu, virou rua... E continuaram a pisar em cima dele." Mario Quintana